E de repente já é domingo. De repente já é Natal. De repente mais um ano se foi, e você ficou ai parado querendo mudar sua vida!
~ Perdido no tempo..  (via involuntus)
Olhava atentamente para o relógio, enquanto permanecia sentada em um sofá. Eram duas da manhã, e o silêncio era tudo o que tinha no momento. O amargo gosto em boca me fazia sentir um enjoo. O leve pesar das palavras que lia em um jornal velho, dava-me o desgosto em ver a realidade fora de sintonia. Nada mais me convencia, nada mais me parecia ser bom, e a esperança era tudo o que eu não queria.
~ Daiane Ribeiro  (via involuntus)
— Como você esta ?
— Com o tempo, bem!
~ Sorry, I’m not guilty.  (via clamam)

aluguefelicidade:

Ter vinte e poucos anos não quer dizer nada. Trinta. Quarenta. Quinze. Vinte. Noventa. O que importa, no fundo, é quem você é quando está sozinho. Como você é quando está acompanhado. O que sobra quando a luz apaga. O que resta quando o sol acorda.

— Clarissa Corrêa. 

Eu ando fingindo muito. Finjo que não me importo, finjo que não quero, finjo que não sinto, finjo que não vejo, finjo que esqueço.


Página 1 de 4103 - 1 2 3 4 5 »